Fachada Ventilada ULMA na Fundação Zerrenner -Sete Lagoas

Fachada curva do pórtico seu característica principal

A escola de Sete Lagoas foi construída em um amplo lote na avenida Cornélio Viana, zona periférica da cidade, tendo como paisagem de fundo a serra Santa Helena.

O colégio recebeu o nome do advogado, empresário e político Roberto Herbster Gusmão (foi presidente da Antártica e ministro da República), a quem o arquiteto Gustavo Penna credita a contratação de seu escritório para o trabalho.


O projeto é pleno de significados e se baseia na idéia de que atividades distintas podem conviver em harmonia, por isso, foi desenhado como um gesto único, “que convida e acolhe”, afirma Penna. Visto da avenida, o complexo é definido pela curva do extenso pórtico, que catalisa o acolhimento e que ganhou forma a partir de estruturas metálicas e placas con sistema de Fachada Ventilada em concreto polímero ULMA.

Desse grande pórtico, que se estende paralelamente à Avenida Cornélio Viana e constitui o acesso principal, partem os três edifícios: a escola de Ensino Fundamental e Médio, a Escola Técnica, o auditório e o ginásio. A distribuição dos volumes segue a orientação norte-sul, ideal para o uso educacional, e as formas vazadas do complexo.

O acabamento natural e o que mais valoriza do material e a perfeita execução da instalação foi muito importante e valorizada também.

¨Após a aplicação em toda fachada, não supúnhamos que todas as peças fossem idênficas e sim, que o visual final fosse randômico. Apesar da nossa expectativa, a execução da fachada ficou muito boa, mantendo a originalidade do Projeto principalmente na fachada curva.” Gustaovo Penna, Arquiteto do projeto.

O projeto original propõe uma fachada curva e com inclinação negativa realizada com o mesmo material, Ulma solucionou esse desafio realizando uma subestrutura auxiliar metálica de perfis de alumínio sobre a qual se instalam os painéis de concreto polímero, o formato dos painéis para realizar a fachada são de 1800 de comprimento e alturas entre 800 e 900 mm que acompanham todas as juntas horizontais do prédio”. David Sevilla, o técnico da ULMA.

A nova unidade foi construída para atender a comunidade da região e os filhos dos empregados da fábrica local – que acaba de ser ampliada e se tornou a segunda maior unidade industrial da Ambev nas Américas.

Quando completamente ocupadas, as escolas poderão atender mais 2,5 mil estudantes. O auditório tem capacidade para 450 pessoas e o ginásio, para até mil.


FICHA TÉCNICA:

NOME DO PROJETO: Unidade Escolar Fundação Zerrenner COLÉGIO ROBERTO HERBSTER GUSMÃO
· INCORPORADOR: Fundação Zerrenner
· CONSTRUTORA: Marco Projetos e Construções
· ARQUITETO: Gustavo Penna Arquiteto & Associados
· ÁREA CONSTRUIDA: 25.800,00m²
· FACHADA VENTILADA: 12.000 m2
· FORMATO , COR E TEXTURA: Ulma M-05 – Tierra
· LOCALIZAÇÃO: Sete Lagoas / MG
· APLICAÇÃO|USO DO EDIFÍCIO: Instituição Escolar

Downloads

Dossiê de fachadas ventiladas

Dossiê de fachadas ventiladas

Download
Cores e texturas

Cores e texturas

Download

Não perca nada! Receba por e-mail nossas novidades de ARQUITETURA!!